Exposibram entra na fase final da venda de estandes

A Expo & Congresso Brasileiro de Mineração (Exposibram) está na fase final de comercialização de estandes. Segundo o Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram), promotor do evento, cerca de 95% dos espaços já foram vendidos.

Exposibram entra na fase final da venda de estandes

Conteúdo Relacionado

A edição deste ano, que ocorre entre os dias 9 e 12 de setembro, deverá receber mais de 40 mil pessoas e contará com 15 mil m² de estandes, nos quais estarão representadas as principais mineradoras com atuação global e grandes fornecedores de produtos e serviços.

De acordo com o Ibram, dentre os países confirmados para participar da feira estão África do Sul, Alemanha, Argentina, Austrália, Canadá, Chile, China, Coréia do Sul, Estados Unidos, Inglaterra, Japão, Reino Unido, entre outros.

Realizado em paralelo à exposição, o Congresso Brasileiro de Mineração, que atrai diversos especialistas, pesquisadores, estudantes e representantes de empresas, já está com inscrições abertas. "A pauta das palestras leva em conta o contexto político e socioeconômico global, bem como as perspectivas do setor mineral para as próximas décadas. Para dinamizar os debates, o Ibram estabelece uma programação, que conta com palestras, workshops, talk-shows, entre outras", afirma o Ibram em nota.

As taxas de inscrição para o Congresso variam conforme categorias e prazos de pagamento. "Associados e não associados ao Ibram, professores e estudantes universitários e profissionais seniores encontram melhores preços antecipando o pagamento pela internet até o dia 31 de julho", diz o Ibram.

Programação

A novidade na programação da edição 2019 da exposição, conforme o Ibram, será a realização de três minicursos técnicos. A iniciativa, paralela ao Congresso, evidenciará três diferentes temáticas.

Aspectos jurídicos da CFEM (Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais), mediado pelo advogado e professor da Universidade de São Paulo, Fernando Scaff; Desmonte de Rochas com Explosivos, mediado pelos professores Paul Nicholas Worsey, da Universidade de Ciência e Tecnologia de Missouri (EUA) e Enrique Munaretti, da Universidade do Rio Grande do Sul; e Práticas internacionais em certificação de recursos minerais, ministrado pela geóloga Glaucia Cuchierato.

A participação, segundo o instituto, é mediante inscrição e pagamento de forma separada. "Buscamos eleger temas técnicos de amplo interesse para a comunidade ligada à indústria da mineração. Entre os destaques está o professor Paul Worse, astro de Ciência e Tecnologia da série 'Os detonadores', do canal Discovery", diz Rinaldo Mancin, diretor de Assuntos Ambientais do Ibram. Para mais informações, clique aqui. As informações são do Ibram.

Receba a newsletter do NMB

Britador

Barraco Nível C

Barraco Nível C

CEOs da Barrick e da Newmont trocam farpas sobre o maior negócio de mineração desde 2013

Opinião

Lições aprendidas com tragédias

Lições aprendidas com tragédias

Em busca de uma nova maneira fazer a gestão de riscos e a gestão do conhecimento na mineração

Bem Mineral

BEM MINERAL: CMOC Brasil investe R$ 2,9 Mi em projetos sociais em SP e GO

BEM MINERAL: CMOC Brasil investe R$ 2,9 Mi em projetos sociais em SP e GO

Plantação de mudas no Pará; Métodos agroflorestais em projeto da Alcoa

Escolha do Editor

Perfil de Empresas

Próximos Eventos